Programa de Genética Humana

Apoio as aulas 

A Genética humana providencia uma visão diferenciada às doenças comuns, fruto dos avanços científicos e integração à prática médica regular. Auxilia no diagnóstico e avaliação do risco de ocorrência ou recorrência de todos os distúrbios genéticos passíveis de um diagnóstico pré ou pós-natal. Na área forense, entre outras, auxilia na resolução de crimes, na identificação de indivíduos em desastres em massa e em testes de paternidade/maternidade.

Gervasio.jpg
Organização do programa

Objectivos gerais  - Educacionais

Adquirir os conhecimentos básicos sobre

  • O papel da hereditariedade como factor determinante para a sobrevivência do indivíduo e para a perpetuação das espécies vivas,

  • Os fundamentos relativos a herança das características que determinam as manifestações normais e patológicas,

  • As patologias, as questões sociais e éticas ao redor da genética,

  • A importância e o impacto dos conhecimentos de Genética no desenvolvimento de outras ciências.

Objectivos específicos - Instrutivos

  • Conhecer as bases citológicas e moleculares da hereditariedade

  • Conhecer as leis que dirigem os fenómenos ligados a hereditariedade

  • Saber o conceito de gene e conhecer a sua estrutura

  • Explicar sucintamente as várias formas de transmissão dos caracteres hereditários

  • Diferenciar os conceitos de genótipo e fenótipo

  • Saber o que são oncogenes e reconhecer a importância do seu conhecimento

  • Compreender a forma como se regula a expressão genica

  • Estabelecer a relação da expressão genica e o surgimento de algumas doenças

  • Conhecer o conceito de mutação genica e avaliar o impacto das mutações sobre a saúde do indivíduo

  • Conhecer os factores capazes de induzir mutações

  • Conhecer as principais aberrações cromossómicas e reconhecer o essencial do quadro clínico das doenças com elas relacionadas

  • Conhecer os fundamentos da biotecnologia que emerge dos conhecimentos de genética



Aulas teóricas (T) -  2 horas máx. por aula com intervalos

Aulas plenárias de frequência voluntária, perspectivam a matéria na generalidade

 

Aulas teórico-práticas (TP) – 2 horas por aula

Aulas de frequência obrigatória (2/3 do total), com duração de 2 horas; os alunos são respectivamente divididos em grupos fixos de ---- e debaterão aspectos específicos da matéria/casos e/ou por demonstração observarão protocolos e executarão alguns exercícios com base em casos problema clínicos

 

 

Avaliação -  2 horas por prova

A classificação na disciplina (C) é calculada pela fórmula C = (A x 0.8 + B x 0.2) em que:

 

A – A classificação obtida numa prova final que incluirá toda a matéria do programa teórico e será pontuada numa escala de 0 a 20 valores, com arredondamento às décimas.

 

B – A classificação atribuída pelos conhecimentos revelados e pelo desempenho nas aulas teórico -práticas (TP), será pontuada numa escala de 0 a 20 valores

 

  A aprovação na disciplina requer que B e C sejam iguais ou superiores a 9,5 valores, numa escala de 0 a 20 valores.

Posters – (a serem apresentados no fórum de Genética)

Selecção dos melhores posters 

 

Aulas extras - (plano de aulas montadas pelo número de horas que o aluno precisar)

Plano definido de acordo com a necessidade dos estudantes no período da tarde.